ÁREA DO ASSOCIADO

  • Conectar-se
  • Edição 19

    Ano VIII - Agosto 2021

    /

    Tecnologia

    O lodo como fonte de energia limpa e renovável

    em 19 de Agosto de 2021

    Sistema de cogeração de energia elétrica da ETE Ribeirão Preto – GS Inima Ambient

    Concessão privada adota solução pioneira em Ribeirão Preto

    Com a combinação de resíduos orgânicos, lodo resultante do tratamento de esgoto e tecnologia é possível produzir biogás por meio do processo conhecido como “biodigestão”, que rende excelentes resultados na geração de energia. As concessionárias privadas de saneamento estão entre as pioneiras na utilização dessa alternativa de energia limpa.

    Em Ribeirão Preto, interior paulista, o grupo GS Inima Brasil adotou o sistema de cogeração de energia. Fonte de energia renovável, o biogás produzido após o tratamento do lodo de esgoto é injetado em um motogerador do tipo ciclo Otto, capaz de produzir 15 mil kWh/dia, energia elétrica suficiente para suprir metade do consumo necessário ao tratamento de esgoto da cidade.

    Durante o processo, o biogás passa pelo tratamento de remoção de umidade antes de ser enviado aos motores de combustão e, assim, acionar os geradores na produção de energia elétrica. O sistema permite que a água usada para resfriamento dos motores seja aproveitada para o aquecimento do lodo no digestor. O gás tem alto poder calorífico, com aproximadamente 60% de CH4 (metano) e 40% de CO2 (gás carbônico).

    Ao lado da economia obtida, a tecnologia ainda contribui com o meio ambiente, evitando a emissão de metano para a atmosfera, um dos gases responsáveis pelo efeito estufa.

    Além de soluções sustentáveis, Ribeirão Preto pode se orgulhar de estar entre as cidades com melhores índices de esgotamento sanitário no país, tendo firmado há 26 anos uma parceria com a iniciativa privada que beneficia os quase 700 mil habitantes do município.

    Compartilhe: