ÁREA DO ASSOCIADO

  • Conectar-se
  • Saneamento que avança: cidadania à população vulnerável

    29/09/2020

    A universalização do saneamento traz benefícios sociais, como a redução dos problemas de saúde e a melhora da qualidade de vida, além de ganhos econômicos para os cidadãos. Esses benefícios são também perceptíveis ao analisarmos a diminuição dos casos de doenças de veiculação hídrica, que provocam internações por doenças como Diarreia, Cólera e Leptospirose.

    Um estudo elaborado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) mostra que aproximadamente 65% das internações hospitalares de crianças de até dez anos, são decorrentes de problemas relacionados à falta de saneamento básico, como a dificuldade do acesso à água tratada e aos serviços de coleta e tratamento de esgoto.

    Os ganhos vão além da saúde, pessoas mais saudáveis têm aproveitamento melhor na escola e no trabalho. Na sala de aula, por exemplo, menores que vivem onde não há saneamento apresentam 18% a menos no rendimento e a reprovação de quem tem acesso a estruturas adequadas é 44,2% menor do que aqueles que não têm acesso. Os dados fazem parte da pesquisa Trata Brasil: Saneamento, Saúde, Educação, Trabalho e Turismo, desenvolvida pelo instituto Trata Brasil em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

    Com a pandemia de covid-19, ficou evidente que, não termos acesso ao saneamento básico afeta a saúde da população, pois a água é o principal elemento da vida e item essencial para prevenção de doenças.

    Neste cenário, a concessionária Mirante, em parceria com o Semae, intensificou as obras de saneamento nas ocupações irregulares do município, visando garantir o acesso dos moradores das comunidades aos serviços de água, coleta e tratamento de esgoto.

    Jacy Prado, presidente da concessionária Mirante, destaca a execução das obras. “Temos um compromisso com o cidadão piracicabano e com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS)– especificamente o número seis, que propõe levar água potável e saneamento básico a todos até 2030 – firmado pelo Brasil com a Organização das Nações Unidas (ONU). Seguimos firmes em levar saneamento e dignidade para as comunidades. Nesse momento, as obras avançam na Comunidade Vera Cruz com a implantação de rede coletora de esgoto”, afirma.

    Compartilhe: