ÁREA DO ASSOCIADO

  • Conectar-se
  • Profissionais de todo o país participam de curso na Águas Guariroba

    05/11/2014

    Técnicos da área de saneamento de todo o Brasil se reuniram na Águas Guariroba, em Campo Grande, para o curso de capacitação “Perdas e tecnologias de conservação de água e energia”. O encontro, que aconteceu ontem (29/10) e hoje (30/10), foi realizado pelo Sindicato Nacional das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto (Sindcon). O treinamento é ministrado pelo engenheiro Dr. Peter Cheung.

    “Os participantes puderam trocar experiências sobre um assunto super importante, que são as perdas de água, abordando também as perdas de energia, dois fatores muito ligados à escassez de recursos hídricos que estamos vendo acontecer hoje no Brasil”, afirmou Cheung. “A Águas Guariroba tem um sistema bastante inovador para apresentar e o grupo ficou muito entusiasmado com a tecnologia utilizada aqui”, observou o professor.

    A capacitação levou os participantes a uma visita técnica ao Centro de Controle Operacional (CCO) da Águas Guariroba, um dos mais modernos do Brasil no setor do saneamento. O grupo também conheceu o Laboratório de Hidrômetros, na Estação de Tratamento de Água (ETA) Guariroba e um sistema piloto de micromedição de combate a perdas de água na Vila Carvalho, na Capital.

    Para o gestor Sérgio Luis Baraldi, das concessionárias Águas de Mineiros e Águas de Guará, do interior paulista, os cursos técnicos contribuem para a troca de experiências na área de saneamento. ”Ficamos encantados com a tecnologia utilizada hoje em Campo Grande pela Águas Guariroba no combate às perdas”, afirmou.

    O presidente da Águas Guariroba, José João Fonseca, destacou a importância de se combater perdas de água para dar ainda mais qualidade aos serviços oferecidos para a população. “Nós investimos muito em combate a perdas. Além do Centro de controle Operacional, que está em constante desenvolvimento, temos equipes nas ruas que combatem fraudes diariamente. Nós queremos incentivar todos a trabalharem no combate a perdas, que é também sinônimo de melhoria na prestação de serviço para a população”, comentou.

    Atualmente a Águas Guariroba tem um dos menores índices de perdas de água no País. Enquanto a média nacional é de 40% do volume de água produzido, conforme o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (Snis). Em Campo Grande perde-se cerca de 20%.

    De acordo o presidente do Sindcon, Giuliano Dragone, o volume perdido no abastecimento é um indicador que mostra o quão eficiente é uma empresa prestadora de serviço no ramo de saneamento. “O problema do saneamento no Brasil não é uma questão de falta de investimento, mas sim gestão. E nós queremos fortalecer o setor privado, então tudo o que pudermos fazer para nos diferenciar e mostrar que temos gestão, o Sindcon vai fazer, e este curso faz parte deste objetivo”, destacou Dragone. “Com certeza a Águas Guariroba já é um modelo do setor privado, um case de sucesso. Está entre as melhores e é uma empresa já madura, que investe muito para combater perdas de água”, concluiu.

    (Publicado pelo Jornal do Estado/MS)

    Confira as fotos deste evento:

    [flickr_set id="72157649099560396"]
    Compartilhe: